Pages

Thursday, August 20, 2009

two Lovers


"Estou confusa em relação a este filme.Tem ocupado meus pensamentos desde que o vi. Sinceramente não vos sei dizer se gostei ou se não gostei. Primeiro achei um filme um pouco "parado", havendo certas partes mesmo um pouco entediantes. No entanto não consegui ficar indiferente ao tema central do filme. Devemos deixar tudo por um amor impossível ou contentarmo-nos com o amor "que está mais á mão?". Será justo ficarmos com uma pessoa apenas porque sentimos algo indefenido por ela, como carinho, mas não a amamos realmente? Amamos outra pessoa? De um lado temos a pessoa que amamos, do outro temos a pessoa que nos ama... é no mínimo confuso. Mas será que seremos felizes com alguém que a gente não ama? Apenas respeita, apenas sente amizade? Assusta me pensar que alguém pode "ficar com outra" apenas porque é mais seguro assim. Mas deve ser um bom filme, para mexer assim com os pensamentos, sentimentos de uma pessoa. Quanto mais vale a pena pela interpretação dos actores, sem dúvida muito boa... Bela"

8 comments:

M. Céu Fernandes said...

Olá.
Eu cá sou da opinião que devemos ficar com a pessoa de quem gostamos e que gosta de nós. De contrário, mais tarde ou mais cedo a relação será miserável! Mas também não acredito em deixar tudo para seguir um amor impossível. Isso não é amor, é paixão. E as paixões acabam rapidamente. Nisso sou mesmo realista! Mas acredito no amor verdadeiro, fortalecido dia após dia e que supera as dificuldades! Lindo!
Realista mas romântica! lol!
Bjs,
M. Céu

Libelinha said...

Acredito simplesmente no amor!... E não no comodismo de alguém que nos ama... Isso nunca poderá dar certo!...

Beijinhos ;P

Galahad said...

Eu acredito no amor verdadeiro. E esse amor mesmo que pareça impossivel temos de lutar por ele.

Amor por conveniencia nunca pode resultar... porque não é real nem verdadeiro!!

Beijinhos

Poetic GIRL - BELA said...

Sabem mas o que retive do filme foi a pena que senti da moça que o amava, mas ele amava era a outra. E fiquei a pensar que essa moça iria dedicar seu amor a alguém que apenas ficou com ela por ela ser a opção final que lhe restou... pareço confusa? beijos

Pinipóne said...

Fiquei um pouco desiludida com o filme... mas o Phoenix esteve muito muito bem!

Miguel said...

Eu achei o filme fantástico.
O ritmo é o da história. Não podia ter mais ritmo pois quem marca o ritmo é o rapaz e ele é meio parado.
Achei os personagens muito bem caracterizados psicológicamente e emocionalmente.

E o filme roda sobre as relações e frustrações que há hoje em dia. Na insatisfação que isso traz.

Enfim, eu gostei muito e cheguei a fazer um post sobre o filme porque tem muito a ver com coisas que escrevo frequentemente.

Mas gostos não se discutem.

Poetic GIRL - BELA said...

Sabes Miguel eu não desgostei, apenas me deixou confusa o próprio enredo do filme, mexeu comigo sabes? Mas sem duvida que os actores interpretaram muito bem os personagens... :) apenas foi um filme que me deixou a pensar... beijocas

Miguel said...

A mim também me deixou a pensar.

Eu penso que os filmes têm (quase) sempre algo mais do que aquilo que é evidente. Normalmente os filmes querem deixar uma mensagem: uns mais evidente, outros mais subtilmente.

Eu gosto especialmente dos filmes que me fazem pensar bastante porque focam particularidades da nossa vida, que nem sempre estamos atentos.

Eu fui ver sem grande espectativa, mas curioso com o tema, mas saí de lá muito satisfeito. Achei o filme muito bem feito.

Beijinho