Pages

Sunday, March 28, 2010

Aprender a ler

imagem daqui

"Gostava de saber ler as pessoas tal como leio um livro. Mas não consigo. Acho que tenho mesmo que me contentar a viver no mundo dos livros onde pelo menos a ideia que tenho das personagens é igual do inicio ao fim, e não uma desilusão como na vida real. Preciso reaprender a minha forma de ler as pessoas, preciso não criar expectativas perante as boas coisas que elas nos mostram. Tenho que começar por descobrir coisas más, só depois então ver as boas. Quanto mais conheço as pessoas, com mais vontade fico de viver nos livros. Bela"

13 comments:

Brown Eyes said...

Para conheceres as pessoas tens que aprender as observa-las primeiro. Observa-las como se não estivesses a seu lado analisando as pequeninas coisas, as atitudes menos importantes. Como essa pessoa age para os outros, que conhece há muito. Não deixes que as pessoas te cativem à partida, mantém a distância até teres certezas. Normalmente quem em puro tem a tendência para achar os outros como ele e é contra isso que tens que lutar. Como costumo dizer: Não posso analisar os outros por mim: eu não roubo, não matei, blá, bla. Tu vais lá. Eles vão ensinar-te. Beijinhos

Cor do Sol said...

Eu, apesar de ser um pouco pessimista acabo sempre por esquecer que foram uma desilusão e só tenho tendência a lembrar-me das coisas boas.

izzie said...

É, não é?

[Sábado sentimos a tua falta...]

Beijinho,

JL said...

Por favor, não vás por aí. Não deixes que esta ou aquela pessoa te tornem calculista e desconfiada por natureza. De um modo geral vale a pena conhecer as pessoas. Sem ideias pré-concebidas nem sentimentos de dúvida pré-instalados. Nada como deixarmo-nos guiar pelos nossos instintos enquanto a outra pessoa se vai deixando ler. Um beijinho.

A.S. said...

Sobretudo, importa não nos deixarmos iludir com as primeiras impressões. Como tudo na vida, precisamos de alguma sensatez quando tentamos apreciar o perfil de alguém...


BeijO
AL

Nicole said...

adorei o texto, e identifico-me :)

medeixagozar@ said...

Gostei muito do texto e do blog...

Beijoca,
http://medeixagozar.blogspot.com/

Evinha said...

..eu percebo isso

..vivemos num mundo em crise de valores ..e o mal parece geral, e atinge quem menos esperamos que atingisse!

Olga said...

O ser humano é complexo. Todas as pessoas têm um lado menos bom, e são as pessoas que nós mais gostamos que nos magoam mais, porque não estamos à espera de determinada atitute. Acho que deves tentar sempre ver o que de bom existe nas pessoas, e tudo isto faz parte da nossa aprendizagem, as cabeçadas, os erros, tudo nos ajuda a chegar a um sítio. É bom ser diferente. Beijinhos.

Poetic GIRL said...

Brown Eyes: Eu tento sabes, me abstrair mas talvez devido à minha maneira de ser, nunca vejo os defeitos. Ainda tenho muito que aprender... bjs

Cor do Sol: Eu também, acabo sempre por perdoar. Não sou mesmo de guardar rancores. bjs

Izzie: Eu estive lá em pensamentos! bjs

JL: Eu quero acreditar que sim, que as pessoas ainda valem a pena. Sou uma pessoa de afectos, não sei viver sem eles. Mas nem sempre recebemos na mesmo proporção não é? bjs

A.S.: Sim é isso mesmo, precisamos de sensatez quando avaliamos os outros. bjs

Nicole: Afinal não sou a única a pensar assim. bjs

medeixagozar: Ainda bem que gostas-te, volta sempre.bjs

Evinha: É isso uma crise de valores, agora é que disses-te tudo. bjs

Olga: Claro que todos temos o lado menos bom, também tenho o meu. Fico triste comigo por nunca ter o descernimento de ver o lado menos bom das pessoas. Vivo na ilusão que tudo é perfeito, e não é. bjs

Girl in the Clouds said...

Acho que isso era mau, já assim não é fácil.... a ignorância por vezes é uma boa arma!!
Mas, temos que ter cuidado a quem damos confiança!!

Poetic GIRL said...

Girl in the clouds: Sim eu costumo confiar cegamente... bjs

Anonymous said...

Olá Bela

"Tenho que começar por descobrir coisas más, só depois então ver as boas. Quanto mais conheço as pessoas, com mais vontade fico de viver nos livros".

Bela, se começares por apenas conhecer as coisas menos boas, ou que para ti não são tão positivas, acho que nunca chegarás ás partes positivas, porque os aspectos negativos já te marcaram e provavelmente já não quererás saber dos aspectos positivos.

"Preciso reaprender a minha forma de ler as pessoas, preciso não criar expectativas perante as boas coisas que elas nos mostram."

É importante não criares uma imagem da pessoa que só existe na tua cabeça. Acho que as partes boas das pessoas(desde que sejam genuinas) provocam boas impressões em nós e faz com que queiramos voltar a falar com essa pessoa.

"Acho que tenho mesmo que me contentar a viver no mundo dos livros...

Eu cada vez mais prefiro a vida real pura. Eu sou um bom observador e adoro ver os comportamentos das pessoas, as peculiaridades que as pessoas tem.


Bela, muitas mentirinhas hoje? Já estas com o nariz, como o Pinóquio.
Já me podes desvendar alguma coisa dos teus desafios?

Espero que esteja tudo bem contigo.

Beijinhos

Pedro Ferreira.