Pages

Sunday, March 7, 2010

Coração


"Inventarei eu razões para o meu coração bater mais rápido? Nunca pensei que um coração batesse tanto. Apenas bastará um gesto, um acto cometido por alguém que tenho o condão de me fazer sentir rubescer, de me fazer sentir, o que eu não sei se é certo sentir? A vida é matreira, prega-nos rasteiras, consegue quase nos derrubar tal a velocidade com que muda o curso das coisas. Deverei me sentir feliz, deverei não deixar que ele bata mais rápido? Mas então porque sinto o que sinto? Conseguiria enumerar um sem número de justificações, mas certamente que este desejo de caminhar nas nuvens me parecerá efémero. Tenho medo que o seja. Mas desejo que não seja. Por algum tempo queria que as coisas não fossem éfemeras mas sim um bocadinho a tocar o eterno."

5 comments:

Di said...

Não tenhas medo, sente o seu bater e vive com ele na ponta dos teus sentidos... afinal, ele ainda comanda a nossa vida, tal como o sonho...

Beijinhos,
Di

Girl in the Clouds said...

Adorei o texto!!

Poetic GIRL said...

Di: É DI é mesmo ele quem comanda, nós não mandámos nada... bjs

Girl in the clouds: Obrigada... beijocas

Anonymous said...

Bela, deixa que o teu coração fale contigo, a linguagem dele é muito simples. Mesmo que na tua cabeça não faça muito sentido, segue-o, porque tudo o que vem dele é puro e inofensivo.

Beijinhos

Pedro Ferreira.

Poetic GIRL said...

Pedro: Eu deixo que ele fale comigo... ás vezes até demais... bjs