Pages

Monday, May 10, 2010

Cartas que já não escrevo


imagem daqui

"Tenho saudades de receber cartas. Cartas escritas pela caligrafia alheia. A emoção que se sente quando seguramos não mão o envelope, quando rasgamos cuidadosamente o mesmo de forma a não estragar, os nossos olhos percorrem palavra a palavra. Haverá alguma sensação melhor do que tocarmos as letras desenhadas numa folha de papel, mesmo que seja uma simples folha de papel de um bloco qualquer? As novas tecnologias vieram roubar-nos pouco a pouco este prazer. Deixámos de antecipar noticias de alguém, agora as noticias chegam-nos à distância de um clique. Mas não é a mesma coisa, não é. Eu sou do tempo ainda de quando ia de viagem enviava cartões para as pessoas que mais gostava. Ainda o fiz em 2004 quando fiz a viagem da minha vida, surpreendi os que mais gostava com a minha caligrafia impressa num postal colorido, cheio de saudades. Tenho tantas cartas guardadas, cartas de amor, cartas de amizade, postais. Guardo tudo religiosamente, guardo a correspondência trocada quando ainda adolescente com os meus pen-friends perdidos por esse mundo fora. Saudades de quando abria a caixa do correia e tinha três, quatro cartas para ler. Sentava-me então nas escadas a ler as palavras que ora me faziam sorrir, ora me faziam chorar. E a ânsia de responder o mais rápido possível para na volta do correio a resposta chegar ainda mais rápido. Fui muito feliz nessa troca de correspondência, nessa troca de emoções, de vivências. Tenho pena de aos poucos a tecnologia substituir uma fase tão especial na minha vida. Já quase ninguém escreve cartas. E eu tenho pena. Gosto mesmo de receber cartas. Gosto tanto de receber como gosto de escrevê-las. Bela"

34 comments:

Gingerbread Girl said...

Se quiseres um envio-te uma carta! :D

Com selo e palavrinhas e tutti e tutti. ^^

Eli said...

Eu adoro receber e escrever cartas.

Houve tempo em que esse era o meu maior passatempo de Verão! À falta de melhor...

Já recebi centenas de cartas, assim como as recebi.

Ainda sou capaz de o fazer, mas só em casos mais especiais. Ainda no Natal passado o fiz, embora goste mais de escrever simplesmente pelo prazer de transmitir algo a quem recebe!

:)

Daniel Silva (Lobinho) said...

Não apenas a imagem é deliciosa (lembra-me os pen-friends estrangeiros) como é imensaqmente verdade a emoção, a textura do papel, a cor, a caligrafia, o selo, a própria antecipação dio carteiro... hoje os frios e-mails não passam disso: frios! Também na comunicação escrita se comunica por sinais que aqui são simplesmente inexistentes.

Mas em parte, embora apenas em parte, depende muito de nós :)

sonjita said...

Cartas...já não me lembro de receber uma... apareceram os emails, os telemóveis, os sms's... e lá se foi o glamour de escrever ou receber uma carta.
Também as guardo religiosamente... volta e meia sabe-me bem reviver momentos... mas infelizmente perderam-se no tempo, por culpa de quem já não me escreve e por culpa minha pois eu também deixei de as escerever.

beijinhos

Pérola Negra said...

Eu também adoro cartas... E também tenho saudades de as escrever e receber! Tenho todas guardadas e de vez em quando abro-as, cheiro-as, relembro a sua magia.
Pensa que os belos textos que nos escreves são como cartas largadas no vento...
Beijo

Libelinha☆ said...

Eu escrevo sempre uma notinha á mão nas encomendas que envio, hehehe!... Recebo presentinhos pelo correio e algumas encomendas também... Não são cartas mas espero ansiosamente a chagada do correio, hehehe!... E também quem me envia as encomendas ou os presentinhos me escrevem bilhetinhos á mão!... Eu gosto!...

Já escrevi algumas cartas... Durante anos tinha dois ou três correspondentes!...

Se quiseres eu troco correspondência contigo, hehehe!...
Envia a tua morada via e-mail, lol!...

Beijinhos ;P

anf said...

eu também gostava quando recebia cartas,
beijo

izzie said...

Igualzinhas! :)

Beijinho,

Ava said...

Que post tão cheio de ternura e saudade, querida Bela. É uma verdade que as nossas tecnologias, alteram muito as nossas vidas. Também sinto um pouco de nostalgia do tempo que recebia cartas, mas mais do que as cartas, sinto nostalgia do tempo em que para avisar um amigo ou os meus pais que ia chegar mais tarde a casa, de andar à procura de uma cabine telefónica que funcionasse. E a expressão da senhora dos correios, quando nas férias me via entrar para telefonar novamente naquele dia a algum dos meus amigos...

Belos tempos, tão doces, tão inocentes e eu que pensava que eram uma seca...

Um beijinho com cheiro a planície, Ava.

Pinkk Candy said...

que belos tempos esses, em que se escrevia e se esperava ansiosamente pela resposta, tempos que já não voltam.

ficam só as boas memórias...

kiss

=)

Meio Cheio said...

Tambem adoro receber cartas e nada me deixa mais feliz que receber um postal de alguém que foi viajar e se lembrou de mim...é mesmo por isso que também gosto de os enviar quando parto em busca do mundo =)

És uma contadora de historias está claro =)
Beijinho*

Poetic GIRL said...

Ginger: Claro que ficaria feliz da vida :) Com muitas palavrinhas, beijocas

Poetic GIRL said...

Eli: O meu hábito acabou por se perder no tempo, as pessoas deixaram de responder. Mas tenho pena, porque gostava mesmo. Quem sabe não retomo? beijocas

Poetic GIRL said...

Daniel: É os emails são mesmo frios, impessoais. Nunca chegão à emoção que uma carta nos pode transmitir! beijinhos

Poetic GIRL said...

Sonjita: É pena que se tenha perdido este hábito, já pensas-te que não poderemos transmiti-los aos nossos filhos com a mesma magia? bjs

Poetic GIRL said...

Pérola: Sim é verdade muitos dos textos que escrevo às vezes são endereçados a alguém em especial ou a voçês que me lêm. E também é mágico! bjs

Poetic GIRL said...

Libelinha: Que giro fazeres isso nas tuas encomendas! É sem dúvida um miminho especial para as tuas clientes! Personalizar ainda mais o serviço, bjs

Poetic GIRL said...

ANF: Acho que toda a gente gosta! bjs

Poetic GIRL said...

Izzie: Mais uma coincidência entre nós? bjs

Poetic GIRL said...

Ava: Agora não vivemos sem os telemóveis, sem os emails. Mas a verdade é que antigamente as noticias não chegavam tão rápido, faziam-se esperar, e isso acabava por ser mágico... bjs

Poetic GIRL said...

Pink Caddy: Ao menos restam-nos as memórias, os nossos filhos já não vão sentir essa magia. bjs

Poetic GIRL said...

Meio Cheio: Bem vinda! Próxima vez que fôr viajar vou retomar este hábito, surpreender quem eu gosto! beijocas

Olga said...

Eu também gostava muito de escrever cartas, e recebi muitas, só tenho guardadas as do meu marido porque são as mais queridas, o resto já foi com o tempo. Agoro confesso que esta troca de comentários talvez me faça lembrar esse tempo, porque quando publicamos algo, gostamos de ver a "resposta" que o que nós escrevemos teve perante os nossos amigos virtuais. Nunca usaria a palavra leitores, porque acho que neste mundo somos mais uma espécie de correspondentes uns dos outros´. Beijinhos.

♥ Cαmilα Girαssol said...

Adoro escrever e receber cartas, eu e algumas amigas minhas ainda mantemos esse hábito.
é tão mais pessoal, neam?!


beijocas

S* said...

Tenho saudades de amar e ser amada.

Olhos Dourados said...

Também já não me lembro de receber ou escrever uma carta.

Your favourite girl said...

Não imaginas como tambem sinto isso!

Eu escrevi cartas ate não poder mais!

E adorava, era tão melhor.
Recebia da madeira e lembro-me de ficar a semana inteira (ou mais) a pensar quando chegaria a maldita carta LOOOL

Agora é tudo mais facil. sem aquele beleza de antes =/

beijoka*

Poetic GIRL said...

Olga: Sem dúvida que somos correspondentes uns dos outros. E eu gosto tanto desta partilha! bjs

Poetic GIRL said...

Camila: Sem dúvida que é muito mais pessoal muito mais emocionante. bjs

Poetic GIRL said...

S*: Partilho dessas saudades contigo. Acho que já nem me lembro muito bem como é. Enfim não podemos ter tudo não é? bjs

Poetic GIRL said...

Olhos Dourados: Só as contas para pagar, lol... também há muito que não recebo! bjs

Poetic GIRL said...

Your favourite Girl: É foi-se perdendo no tempo, aos poucos sendo substituídas pelas novas tecnologias. O que é de lamentar, mesmo! bjs

Lala said...

Era tão bom, não era? também sinto a mesma saudade!!
Hoje ainda recebo cartas, de grandes empresas: EDP, Águas de Cascais, MEO... e por aí fora!!;)
Beijinhos**

Anonymous said...

Sorry for my bad english. Thank you so much for your good post. Your post helped me in my college assignment, If you can provide me more details please email me.