Pages

Sunday, May 30, 2010

À deriva...

"À deriva. A alma solta-se do corpo. Por vezes sobrevoa por cima do corpo, fica olhando para o corpo ausente dela. Gosta de estar assim livre, desprender-se do físico para apenas se focar no emocional. Nessas alturas em que é livre para voar é feliz, por segundos, minutos, horas. Esquece-se de tudo e de todos. Mas é preciso regressar. Então relutante volta para o corpo e aí prepara-se para mais uma semana de dura realidade. Bela"

17 comments:

PauloSilva said...

Sabes, isso tem como nome: Experiência fora do corpo - em outros termos.

Mas eu entendi o que quiseste mostrar aqui e gostei (:

♥ Cαmilα Girαssol said...

Mas pode acontecer fatos inesperados e belos.
Que seja doce sua semana.
BeijOcas


Ps. Que linda imagem!

Mona Lisa said...

Hmm...conheço a sensação:)
beijo e boa semana!

Pérola Negra said...

Curioso, ontem também ia fazer um post exactamente com este título! Mas o meu estar à deriva era por razões diferentes...
Seja como for, é engraçada esta coincidência! Não escrevi eu, escreveste tu... Não é por acaso que gosto de ler o que escreves... :)
Beijo grande

Robin K said...

Deixa-a voar...
Deixa-a afastar-se do corpo. Quem sabe onde ela te pode levar...

Adrielly Soares said...

Gostei do texto.

Poetic GIRL said...

Paulo Silva: Ainda bem que gostas-te! bjs

Poetic GIRL said...

Camila: Também me deixei seduzir pela imagem. Sim pode acontecer muita coisa! bjs

Poetic GIRL said...

Mona Lisa: Boa semana para ti também! bjs

Poetic GIRL said...

Pérola: Então estavamos em sintonia? Almas parecidas quer-me parecer... olha uma coisa, braga? és de braga? bjs

Poetic GIRL said...

Robin K: Eu deixo, desde que me leve para lugares onde nunca estive! bjs

Poetic GIRL said...

Adrielly: Obrigada! Acho que foi a imagem que me inspirou! bjs

Pérola Negra said...

Não, não sou de Braga... Mas já lá vivi durante uns anos. Tirei lá o meu curso. Boas recordações! :)
E tu?

Poetic GIRL said...

Pérola: Eu sou de Braga! Como vi no teu blog que tinhas referência a braga, pensei que por coincidência fosses de cá... assim convidava-te para um coffee! bjs

Olga said...

O desprendimento durante momentos de reflexão ou meditação, é bom! Temos a sensação que ganhamos asas e ter asas é o sonho de qualquer humano. Gostei!

Poetic GIRL said...

Olga: Eu vôo muitas vezes, sinto a minha mente abandonar o meu corpo e gosto tanto desses momentos que vôo livre! bjs

Pérola Negra said...

Fico contente com essa tua deia! Acho que nos iamos dar bem! Ou melhor... quem sabe se um dia ainda nos vamos dar bem! :)
Se ainda vivesse em Braga era já hoje que iamos tomar um café! Mas fica aqui um desejo... quando aí for aviso-te e pode ser que tenhas um bocadinho para dois dedos de conversa! :)