Pages

Monday, October 18, 2010

A tua mão



imagem daqui

"Já não me lembro quando foi a última vez que senti a tua mão na minha. Gostava de saber em que momento da vida largaste a minha mão sem que eu desse conta. Agarrava-te com firmeza tal que já eras uma extensão de mim. Agora olho a minha mão vazia, não te sinto lá, não teço os contornos dos teus dedos entrelaçados nos meus.
Queria poder continuar a dar-te a minha mão. Não a vês aqui estendida? As nossas mãos deviam estar unidas como um bom nó desses que apenas os marinheiros sabem dar, desses que não seria possível desatar.
Saudades de sentir a tua mão na minha, saudades de caminharmos lado a lado na vida....Quando foi que largaste a minha mão?" Bela

25 comments:

MRPereira said...

Largaram-te a mão? Não te preocupes que em breve terás uma mão tão boa ou melhor que essa a agarrar-te!

Já agoea... Escreve-se "largaste" e não "largas-te"...

Kiss kiss

Gi said...

É triste a saudade, triste saber que se foi, mas melhor a lembrança de quem se foi que o vazio de quem não chegamos a conhecer...

Bjo

BS of Life said...

Bonito e sereno. :)

Martini Bianco said...

Entendo bem a ausência dessa mão.

Bjs

Loucuras de e por amor said...

Por momentos fizeste-me "voar" no tempo! Também já tive a mão de alguém que está longe e que parece que só a quer de vez em quando!
Tenho tantas saudades desse alguém!
Força!
Kisses

Ava said...

Nem todos conseguem largar assim, serenamente, tão delicadamente.
Mais um belo momento partilhaste connosco.

Beijinhos doces, Ava.

Brown Eyes said...

Lindo e cheio de saudades. Beijinhos

cantinhodacasa said...

Belo, belo, belo.
Que saudades me deste de sentir a mão...

Meio Cheio said...

O vazio de quando nos largam a mão é como o largar do coração...custa, mas há sempre a esperança que outra mão virá =)
beijinho*

Natália Augusto said...

Olá querida,

as saudades de alguém que já não está, que nos amou e que nós amámos, doem muito. Tanto que nem o tempo cala.

Beijos

Petra Pink said...

percebi bem o teu post querida.... apesar de tudo parece que ja te conheço.
um beijo e um abraço enorme.

Pérola Negra said...

Percebo tão bem o que dizes...
Mas não te esqueças que também tu tens duas mãos, prontas para as dares a alguém! Há muita gente a precisar!
Beijinhos

Poetic GIRL said...

MR Pereira: Estou à espera de sentir outra mão na minha... beijoca

P.S. obrigada pela correcção, às vezes há coisas que nos escapam

Poetic GIRL said...

Gi: Sim o que não chegamos a conhecer ou viver ainda nos deixa mais vazios, bjs

Poetic GIRL said...

Bs of Life: Obrigada, gosto de momentos de serenidade, bjs

Poetic GIRL said...

Martini: Todos sentimos falta de uma mão... bjs

Poetic GIRL said...

Loucuras: Nunca aceites uma mão pela metade, quando fôr que sejam em pleno! bjs

Poetic GIRL said...

Ava: às vezes temos mesmo que deixar ir, bjs

Poetic GIRL said...

Brown Eyes: Sim muitas saudades, bjs

Poetic GIRL said...

Cantinho: Se precisares de uma mão posso te dar a minha com carinho, bjs

Poetic GIRL said...

Meio Cheio: Quero acreditar que outra mão virá, bjs

Poetic GIRL said...

Natália: É o tempo não cala mesmo esses sentimentos, bjs

Poetic GIRL said...

Petra: É querida, às vezes é tão fácil nos revermos nos outros, bjs

Poetic GIRL said...

Pérola: As minhas estão sempre aqui prontas para segurar nas dos outros, bjs

caminhante said...

minha querida, não te deixo comentário algum. somente um beijinho doce com um abraço apertadinho...

lindaƸ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ