Pages

Monday, January 3, 2011

Recomeço?

"Sinceramente não espero nada em específico deste novo ano. Aliás não vejo a importância, nem qual o fundamento que uma mudança de calendário possa mudar assim tanto as nossas vidas. Já tive anos bons, já tive anos maus. Todos temos, é inevitável. Por mais que desejemos que tudo nos corra de feição, sinceramente há coisas que não dependem inteiramente de nós. Dependem de terceiros. 
E muitas vezes o problema reside mesmo aí, na influência de terceiros na nossa vida, que nos toldam a visão e não nos permitem ver o que de bom temos. O problema é existir esse factor de comparação, esse desculpar dos "ses".... se cada um de nós pensasse um pouco nisso provavelmente o mundo fosse diferente.
É apenas uma mudança de página num calendário, no fundo não muito diferente da mudança de um dia, mês, tudo tem o seu começo e o seu fim. Inclusivamente os anos...."Bela

11 comments:

Libelinha☆ said...

Eu também comecei o ano a pensar o mesmo =)

Beijinhos ;P

Gabriela... said...

Assino por baixo, concordo plenamente!
Beijo enorme,
Gaby

Petra Pink said...

Sim é mesmo isso...
Uma mudança no calendário que muitas vezes tráz esperanças renovadas, mas se nada fizermos pela vida, as coisas não mudam.

BS of Life said...

Tens razão, querida Poetic Girl, os terceiros só pioram, mutas vezes em vez de ajudar, dão palpites baseados nas suas frustrações, e depois acabam por nos influenciar de forma negativa para a nossa vida.

No entanto, por outro lado, só os terceiros é que nos conseguem ver por fora. :)

Beijocas. E bom ano!

Bloguótico said...

Certo, mas tem sempre um cariz diferente! Quanto mais não seja a mudança de ano poderá funcionar como um estímulo para algumas mudanças!... ainda que concorde que tal pudesse e devesse acontecer de um dia para o outro! Enfim... mudanças... ou supostas mudanças! :)

Um bom ano! :)

Fê-blue bird said...

Estou perfeitamente de acordo contigo. Aliás este ano só o comemoro quando me apetecer, sem data, sem hora marcada.

Beijinhos

Adrielly Soares said...

É bom encerrar ciclos, começar outras, revitaliza a gente. Entusiasma alguns.

pinguim said...

O fim de ano em si nada me diz.
Sinto é uma enorme nostalgia no momento em que o ano termina, pois lembro-me de toda a gente que me é querida e que eu gostaria de ter ao meu lado.

Fragmentos Culturais said...

... Afinal nada muda obrigatoriamente...
Mas, ainda assim, o ritual obriga-nos sempre a olhar para trás...

Um beijo,

caminhante said...

é isso. o que importa é o dia de hoje. há que comemorar o hoje...

bjinho :)

Brown Eyes said...

Eu, normalmente, consigo fazer um prognóstico do ano que começa, principalmente se for mau. Sinto nos últimos dias uma angústia enorme mas, este ano não senti nada. No entanto para mim uma mudança de página no calendário é apenas isso, mudança de página. Beijinhos